HISTÓRIA DE AMOR NENHUMA JAMAIS FOI ESCRITA
SEM QUE VIDRAÇAS FOSSEM QUEBRADAS.

                                                        contato
                                                              info
                                                        < home

Mark










Alexandre Baltazar
1989
Rio de Janeiro, Brazil

Design @ Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro
Comunicação Social @ Universidade Estácio de Sá





Statement:

Definir meu trabalho com palavras sempre foi uma tarefa difícil pra mim. Se o
trabalho é uma extensão do meu corpo e das minhas idéias, definir o trabalho é
tão complexo como entender o sentido de viver ou descobrir seu verdadeiro eu
mais profundo e oculto.

Mas pra organizar o pensamento e o processo minimamente, me proponho
sempre a tarefa de tentar identificar o que me motivou pra ter chegado até aqui e
o que me motiva pra seguir adiante.

O trabalho como ele é, é como ele pôde ser.
Como conseguiu e não como planejou.

Minhas pinturas em preto e branco, de nanquim e pincéis finos, com traços
imperfeitos e espontâneos, retratam imagens ordinárias da vida urbana pós-
moderna. Polaroides da sociedade adoecida que erguemos e como nos
relacionamos com ela e com nós mesmos. Questionar os símbolos de poder
dessa sociedade, dos seus vulgares sistemas de controle, subverter seus
significados e ideais massificados, provocar o espectador a todo momento.

São lugares, ora áridos, espinhosos e desconfortáveis, ora mais doces e
ensolarados, que minha mente visita todo dia incansavelmente, a partir da
observação dos episódios banais do cotidiano.

Uma fila de banco, uma árvore caída, um abraço.

Cápsulas de devaneios, de pensamentos não finalizados, de histórias de amor
sem final, que aguardam o diálogo com o mundo/espectador pra,
despretensiosamente, ganhar sentido.





Individuais:

Desculpe o transtorno, 03/2019 com Rolo Seco @ Shuffle, São Paulo
Estilhaços de flores / jardins de vidraças, 06/2018 @ Quadra Galeria, Rio de Janeiro
You're so rad, 07/2015 @ Fábrica Bhering, Rio de Janeiro
Psychedelic Jungle - 10/2014 @ Galeria Homegrown, Rio de Janeiro



Coletivas:

Fruto, 08/2019 @ Galeria Carambola, Rio de Janeiro
Arte Core, 10/2017 @ Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro
Rolo Seco gig. 8, 09/2017 @ Galeria Carambola, Rio de Janeiro
Casca, 04/2017 @ Galeria Carambola, Rio de Janeiro
Refração, 03/2017 @ Centro Cultural João Nogueira - Imperator, Rio de Janeiro
Room Art Fair, 02/2017 @ Madrid, Espanha
Conjunção, 09/2016 @ Galeria Wozen, Lisboa, Portugal
Ponto cego, 06/2016 @ Galeria Quintal, Rio de Janeiro
Deslocado, 10/2015 @ Hospital Julio de Matos, Lisboa, Portugal
Atemporal III, 03/2015 @ Galeria Graphos:Brasil, Rio de Janeiro
Atemporal, 10/2014 @ Espaço Atemporal, Rio de Janeiro
Matilha II, 07/2014 @ Galeria Graphos:Brasil, Rio de Janeiro
Matilha I, 04/2014 @ Galeria Fosco, Rio de Janeiro



︎